XP |||||||||||||||||

Me olhei no espelho saindo do banho, antes de me cobrir de cremes e apetrechos da pós-modernidade que nos fazem esquecer que vamos morrer e ri do tamanho das minhas olheiras.

Nos últimos anos eu tive uma dor que me acompanhou. Uma dor física, fique claro. Fui em muitos MUITOS médicos. Ortopedistas, fisiatras, reumatologistas, neurologistas, you name it, eu fui. Em mais de um de todos. Nenhuma unanimidade. Fiz fisioterapia, nada mudou. A dor seguia. Me acostumar nunca acostumei, que dor não é legal. Dor muda tudo. Tinha dias que mal conseguia andar de dor.

Então no acaso descobri o motivo da dor e envolvia falta de sono reparador. E sinta o drama. Foram aproximadamente seis anos sem sono reparador. Fato é que trazendo o sono reparador de volta a dor saiu e a (não direi) voltou lindinha e eu me preparo pro dia que enfrentarei o Minotauro. Hshshshs.

Por isso eu posso rir das minhas olheiras, elas tem várias coisas em si. Tem superação de dores diversas e representam imperfeições das quais me orgulho. Eu gosto de imperfeição. Agora posso ver meus amigos mais próximos fazendo auto-piadinhas mentais sobre isso.

Mas eu gosto mesmo, nunca escondi. E isso afeta vocês, meus afetos como um todo. Nunca o que me atrai para as pessoas são suas qualidades, somente, são sempre suas qualidades interagindo com seus defeitos. Eu prefiro umbigo que falta dele.

Enfim, claro que existem Munchausens loucos pelo mundo que querem que todos sejam insipidos inodoros e incolores, mas a maior parte das pessoas gosta de gente de verdade, né? Ou tou errada?

E logo aviso que nem tanto pela sensação de familiaridade gerada pelo: também vós sois fodido, quanto pelo encanto sui generis de cada defeito. Mas as qualidades também são sui generis, dirão os hereges. Eu não sei. Podem ser, algumas. Mas as qualidades mais sui generis se confundem com defeitos, porque burlam, defeitos são transgressores. Onde esperamos encontrar uma coisa os defeitos nos surpreendem. ADORO.

Novos prismas defeituosos e bizarros.

Meus grandes amores foram desajustados. De um jeito ou de outro ou de ambos. Amores assexuados e sexuados, ie, amigos e namorados e pessoas que quis orbitar em torno de forma geral.

E por isso eu sempre defendi a liberdade escatológica pessoal e ramificações que venham daí. O ser humano não foi feito pra ser o que se espera dele, ele tem que ser um pouco mais, no pior sentido possível, eu acho.

Então, se eu o amo, TEMA.

(título nadaver, mas ficou bonitinho, me deixa)

EM TEMPO: Eu estava falando do Rodrigo Minotauro, antes que me confundam com leitora de Cortazar ou cos’que o valha. Hshshshshshs.

Anúncios

9 Respostas to “XP |||||||||||||||||”

  1. Bonde do fumê.

  2. sargentelli, sai desse coishpo

  3. “Isso afeta meus afetos” é um primor. Algo entre Gregório de Mattos e o Humbertão.

  4. defequei na cruz certo, tendo em vista que todos os meus amigos são
    a) poetas
    b) filosofos
    c) gramáticos
    d) TODAS AS ACIMA E ENGRAÇADINHOS
    hahahahahahah

    (não me demoverão, continuem temendo)

  5. POETINHA MAIOR QUE TRÊS
    :~

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: