Portal

*momento dica de presente de aniversário. hshshshs*

Objectsexual (OS) é um equivalente de homosexual e heterosexual, mas com objetos inanimados. Mais que referência ao acto sexual, o termo fala de pessoas que desenvolvem afeto real, táctil, este que temos com outras pessoas, por objetos inanimados. Linko um texto sobre uma dona que casou com o muro de Berlin. Uma viuvinha muti louca.

Eu penso bastante neste conceito quando falo de livros (gostaria de ressaltar que não pratico sexo com livros). Não livros em geral, ainda que livros em geral tenham seu apelo, mas livros em especial. E especialmente livros em especial e USADOS. O que é um conceito bastante OS. Não somos atraídos por pessoas do gênero oposto ou do mesmo gênero EM GERAL, somos atraídos por pessoas que se encaixem nesta classificação e em outras tantas que temos. Homens, mulheres, sexys, inteligentes, com nariz específico, ombros específicos, uma roupinha maneira, enfim, cada qual com seu goishto.

Assim como pessoas, eu prefiro livros com história. Não estou falando da história de dentro do livro, o recheio, mas a história que fez o livro como objeto até chegar ali onde está, na minha mão, na minha frente. Não me importo tanto com pequenos sublinhados (excessivos e canetas marca-texto eu odeio, entretanto), que costumam deixar as pessoas malucas, pq eles trazem consigo pedacinhos da história do livro. Pequenos rasgos, páginas podres, odores, enfim. Como pessoas: nunca poderemos captar o passado real, podemos ouvir histórias, mas as marcas reais das histórias são bem mais interessantes e fazem as pessoas bem mais interessantes. Alguém pode falar horas sobre sua ex, mas quando comete um ato falho tu descobre bem mais que nos relatos racionais e polidos.

Quando eu era criança iniciei um costume que sinto cada vez mais falta no atarefado da vida: frequentar bibliotecas. Eu passava dias inteiros em bibliotecas pegando livros randômicos e tendo momentos OSes. Assim descobri Miller, Corso (e, por ele, os demais), Lemas, enfim, uma porrada de gente que é meu pahceria.

Ainda hoje eu tenho uma sensação de mágica quando entro numa biblioteca cheia de desconhecido. Bibliotecas de pessoas (vide post anterior) e públicas são, possivelmente, o único contato amistoso que eu faço com ácaros, germes e bactérias. Hshshshshs.

E isso é um momento solitário. Algumas vezes dividi isso com Cherry, mas só. É um momento bem difícil de dividir, requer tatuagem no pulso e confiança absoluta. E pode virar bem facilmente um inferno.

Minha biblioteca não me causa o mesmo fascínio, ainda que cause um fascínio bem grande. São sentimentos diferentes. Eu amo minha biblioteca, em especial os em especial, quase tanto quanto amo Colores&Filha deitadinhas (nu, heresia dizer isso, tadinhas). Eu conheço as posições dos autores, as divisões que fiz, a maior parte dos livros. Uma biblioteca alheia, entretanto, inexplorada, cheia de odores próprios, histórias que tu nunca vai saber e que vão te atormentar o coração de imaginar, nossa. Pago flexão por elas.

E quero lembrar que a sigla é OS, não OZ.

E quanto a vida sexual da viuvinha do Muro de Berlin, nem idéia, nem quero saber, GROTESCO. Mas imagino que os sentimentos sejam marromeno issae.

Anúncios

5 Respostas to “Portal”

  1. boneca inflável = object sexual extreme

  2. Que linda.

    Eu pensei em apagar algumas glosas do Miller que te dei, mas resolvi deixá-las lá. Sabia que seriam UM PLUS A MAIS naquele Trópico já tão ornado pelo tempo, pela vida dos outros e também a minha.

    Bibliotecas, gosto delas. Gosto da minha pequena biblioteca e gosto justamente do ponto que tocaste: da história de cada livro, de como chegaram até mim.

    Obrigada.

  3. sim, quase comentei o novo miller, enamorada que estoy. livro novo, antes de ir pra estante e virar habitue, sempre é um pouco o desconhecido em casa. dellicia demás.
    gracias yo, que ameyo
    :*

  4. Maresias S. Says:

    Nada como uma bilbioteca desconhecida para explorar, gostei do texto, e de ter achado esse site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: